Topo
pesquisar

Exercícios sobre o daltonismo

Exercícios de Biologia

Antes de resolver aos exercícios sobre o daltonismo, relembre um pouco a respeito das heranças de genes localizados em cromossomos sexuais. Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
questão 1

Daltonismo é uma doença genética que se caracteriza pela dificuldade de diferenciar algumas cores. Sabendo-se que é um problema que está ligado ao cromossomo X, marque a alternativa correta:

a) Os homens são menos acometidos pela doença por apresentarem apenas um cromossomo X.

b) Os homens são responsáveis por passarem a doença para seus filhos do sexo masculino.

c) Apenas homens daltônicos podem ter filhos do sexo masculino daltônicos.

d) Apenas mulheres daltônicas ou portadoras podem ter filha daltônica.

e) Para uma pessoa do sexo masculino ser daltônica, é fundamental que tanto o pai quanto a mãe sejam daltônicas.

questão 2

Imagine que uma mulher daltônica se case com um homem normal e que eles tenham um filho do sexo masculino. Sabendo-se que o daltonismo é uma herança ligada ao cromossomo X, marque a alternativa correta.

a) A criança com toda a certeza será daltônica.

b) A criança não será daltônica, pois seu pai é normal.

c) A criança não será daltônica, mas portará a doença.

d) A criança apresenta 50% de chance de ser daltônica, pois há a possibilidade da mãe não transmitir o cromossomo com o gene alterado.

questão 3

O daltonismo é uma doença que se caracteriza pela incapacidade de distinguir entre as cores verde e vermelha. É uma doença ocasionada por um alelo de um gene localizado no cromossomo X. Em um casal em que a mulher é heterozigota para o daltonismo e o marido é normal, a probabilidade de nascer um menino daltônico é:

a) 1/2

b) 1/3

c) 1/4

d) 1/8

e) 3/4

questão 4

(UFMS) Uma mulher de visão normal, cujo pai é daltônico, casou-se com um homem também de visão normal. Lembrando que o daltonismo é uma doença de herança ligada ao sexo feminino, a probabilidade é de que

a) um quarto das filhas do casal seja daltônico.

b) metade dos meninos, filhos do casal, seja daltônica.

c) metade dos meninos e metade das meninas, filhos do casal, seja daltônica.

d) um quarto dos meninos, filhos do casal, seja daltônico.

e) um oitavo de todos os filhos do casal, tanto meninos quanto meninas, seja daltônico.

questão 5

(UEMG) O heredograma a seguir apresenta um caso familial de daltonismo, herança determinada por um gene recessivo localizado no cromossomo X.

Observe o heredograma ilustrando um caso de daltonismo em uma família
Observe o heredograma ilustrando um caso de daltonismo em uma família

Pela análise das informações contidas no heredograma e de outros conhecimentos que você possui sobre o assunto, só se pode afirmar CORRETAMENTE que

a) o indivíduo II.1 tem 50% de chance de apresentar o gene para o caráter.

b) todas as filhas do indivíduo II.2 serão daltônicas.

c) qualquer descendente de II.4 receberá o gene para daltonismo.

d) o indivíduo II.2 herdou o gene de qualquer um dos genitores.

respostas
Questão 1

Alternativa “d”. Para uma criança do sexo feminino ser daltônica é essencial que o pai seja daltônico e a mãe, no mínimo, portadora. Isso se deve ao fato de que uma menina só é daltônica se possuir os dois cromossomos X com o gene alterado.

Voltar a questão
Questão 2

Alternativa “a”. Como a mãe é daltônica, ela apresenta genótipo XdXd , ou seja, dois cromossomos X com genes alterados. O pai irá fornecer o cromossomo Y ao filho, enquanto a mãe oferecerá um cromossomo X com gene alterado. Sendo assim, o filho terá genótipo XdY e, portanto, será daltônico.

Voltar a questão
Questão 3

Alternativa “c”. A probabilidade de nascer um menino a partir de um cruzamento é sempre de 50% (½).

Do cruzamento entre uma mulher heterozigota ( XDXd) e um homem normal (XDY), temos os possíveis genótipos: XDXD, XDXd, XDY, XdY. Entre os homens desse cruzamento, temos 50% (½) de nascer daltônico e 50% (½) de nascer normal.

Sendo assim, para nascer homem e daltônico devemos multiplicar as probabilidades:

½ x ½ = ¼

Voltar a questão
Questão 4

Alternativa “b”. No exercício, temos uma mulher com visão normal que é filha de pai daltônico (XdY), consequentemente ela portadora da doença, mas não a manifesta (XDXd). O homem com que ela se casou é normal, temos, portanto, o genótipo XDY.

Observe abaixo o cruzamento destes genótipos:

Observe que só existe a probabilidade de nascer com daltonismo filhos do sexo masculino
Observe que só existe a probabilidade de nascer com daltonismo filhos do sexo masculino

Através do cruzamento é possível perceber que existe a probabilidade de a metade dos meninos nascerem daltônicos e que não existem chances de as meninas nascerem com a doença.

Voltar a questão
Questão 5

Alternativa “c”. Como o indivíduo II.4 é uma mulher daltônica, seu genótipo é XdXd. Sendo assim, ela sempre passará um cromossomo X contendo o gene alterado.

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
artigo
relacionado
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola