Topo
pesquisar

Exercícios sobre movimentos separatistas da Espanha

Exercícios de Geografia

Estes exercícios sobre movimentos separatistas da Espanha abordam os principais elementos referentes a esse importante tema da geopolítica atual. Publicado por: Rodolfo F. Alves Pena
questão 1

“'Antes se discutia se a Catalunha poderia ser independente e hoje falamos sobre como seria nossa separação'. É com esta frase que Ignasi Termes, secretário nacional do movimento independentista Assemblea Nacional Catalana (ANC), define o momento atual que vive a região espanhola. E não é para menos. A euforia e o medo de uma possível divisão tomaram a Espanha desde o dia 11 de setembro, quando uma manifestação levou milhares de pessoas às ruas de Barcelona para pedir a criação de um novo país”.

CHAVES, E. Crise na Espanha faz renascer clamor separatista na Catalunha. Portal Terra, 30 set. 2012.. Disponível em: http://noticias.terra.com.br/mundo. Acesso em: 05 jun. 2015.

Sobre a atual situação da Catalunha em relação à Espanha, podemos afirmar que a região:

a) é considerada apenas um estado totalmente subordinado ao governo espanhol.

b) possui o status de autonomia e autossuficiência legislativa, mas não é independente.

c) está com a sua independência em curso, que está respaldada pela União Europeia.

d) apresenta um sentimento popular em favor do socialismo nacionalista espanhol.

e) é um país independente, porém dominado militarmente pelo governo espanhol.

questão 2

O grupo separatista basco ETA anunciou nesta segunda-feira um cessar-fogo "permanente, geral e verificável", em um comunicado enviado ao jornal "Gara", habitual canal de comunicação da organização. O grupo, porém, não informou se concordará em entregar suas armas, uma das principais exigências do governo espanhol.

"O ETA decidiu declarar um cessar-fogo permanente e de caráter geral, que poderá ser verificado pela comunidade internacional", diz o comunicado. "Este é o compromisso firme do ETA com um processo de solução definitivo e com o final do confronto armado", acrescenta a nota publicada em inglês, espanhol e euskera.

Último Segundo, 10 jan. 2011. Disponível em: http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo. Acesso em: 05 jun. 2015.

O ETA integra o movimento separatista da Espanha que luta pela independência na região:

a) da Catalunha

b) da Navarra

c) do País Basco

d) da Galícia

e) de Madrid

questão 3

“O Congresso da Espanha aprovou nesta quinta-feira com o apoio do Partido Conservador uma polêmica lei que restringe manifestações, em meio à forte oposição de políticos e grupos de ativistas que alegam que a medida viola o direito ao protesto e a liberdade de expressão. A iniciativa conhecida por seus detratores como "lei da mordaça" restringe essencialmente manifestações e marchas não autorizadas e impõe penalidades severas aos protestos classificados como ilegais.

O Globo, 11 dez. 2014. Disponível em: http://oglobo.globo.com/mundo. Acesso em: 05 jun. 2015.

Charge de Carlos Latuff sobre a “Ley de España” e o País Basco
Charge de Carlos Latuff sobre a “Ley de España” e o País Basco

Fonte: Blog do Tsavkko. Disponível em: https://tsavkko.wordpress.com/ Acesso em: 05 jun. 2015.

O conteúdo da reportagem e a crítica apresentada pelo cartum sugerem que o governo espanhol vem adotando medidas para conter protestos e manifestações populares. Essas manifestações, no âmbito separatista, são consideradas prejudiciais ao governo, pois:

a) geram graves feridos e mortos de ambos os lados do conflito.

b) estimulam a atuação de grupos extremistas armados e suas ações terroristas.

c) ameaçam a soberania territorial de todos os países da Europa.

d) incentivam o tráfico de armas diante da expectativa de um conflito.

e) intensificam o apelo internacional pela independência das regiões autônomas.

questão 4

(UFG 2013)

Em meio a uma de suas piores crises econômicas, o bloco europeu vê reacender ideias separatistas em países importantes. Na Espanha, essas lutas em algumas regiões ocorrem há décadas, mas se intensificam diante da crise que afeta o país duramente. Das dezessete comunidades espanholas, quatro mantêm aspirações separatistas. São elas:

a) País Basco, Andalucia, Aragão e Navarra.

b) Cantábria, Estremadura, Astúria e País Basco.

c) Castela e Leão, Catalunha, Andalucia e Galiza.

d) Galiza, Aragão, Estremadura e Catalunha.

e) Catalunha, Galiza, Navarra e País Basco.

respostas
Questão 1

A Catalunha é uma região da Espanha que clama por independência. Em função de sua atuação histórica, os catalães já são atualmente considerados como província autônoma, com uma própria composição executiva e legislativa, embora ainda subordinada à Espanha.

Alternativa correta: letra B

Voltar a questão
Questão 2

O ETA é um grupo separatista que defende a independência da região do País Basco na Espanha e na França. A sigla significa “Euskadi Ta Askatasuna”, um termo basco que significa “Pátria Basca e Liberdade”.

Alternativa correta: letra C

Voltar a questão
Questão 3

A crítica direcionada ao governo espanhol contra a chamada “lei da mordaça” surge a partir da estratégia política da Espanha em conter as manifestações populares separatistas e de outros movimentos sociais. O objetivo é conter o apelo popular e o clamor por elas gerado na comunidade internacional.

Alternativa correta: letra E

Voltar a questão
Questão 4

As quatro grandes regiões autônomas da Espanha que lutam pela constituição de seu próprio território nacional são a Catalunha, a Galiza (Galícia), a Navarra e o País Basco, alguns desses movimentos opostos entre si. Os mais atuantes politicamente são os catalães e os bascos.

Alternativa correta: letra E

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola