Topo
pesquisar

Exercícios sobre o Período Regencial

Exercícios de História do Brasil

Teste seus conhecimentos sobre o Período Regencial com alguns exercícios comentados. Publicado por: Tales dos Santos Pinto
questão 1

O Período Regencial (1831-1840) foi marcado por uma série de revoltas em vários pontos do Brasil. Sobre as revoltas ocorridas no Período Regencial, indique qual das alternativas abaixo está incorreta:

a)      Balaiada, no Maranhão.

b)      Sabinada, na Bahia.

c)      Inconfidência Mineira, em Minas Gerais.

d)     Revolta Farroupilha, no Sul do país.

questão 2

Responda brevemente por que o Período Regencial (1831-1840) é considerado um período de transição na história da formação do Estado brasileiro.

questão 3

(UEL-PR) “[...] explodiu na província do Grão-Pará o movimento armado mais popular do Brasil [...]. Foi uma das rebeliões brasileiras em que as camadas inferiores ocuparam o poder.”

Ao texto podem-se associar:

a)      a Regência e a Cabanagem.

b)      o Primeiro Reinado e a Praieira.

c)      o Segundo Reinado e a Farroupilha.

d)     o Período Joanino e a Sabinada.

e)      a abdicação e a Noite das Garrafadas.

questão 4

Considere a quadrinha popular a seguir:

Do Folclore pernambucano

“Por subir Pedrinho ao trono

Não fique o povo contente

Não pode ser coisa boa

Servindo com a mesma gente”

(In: CALMON, Pedro. História do Brasil na poesia do povo. Rio de Janeiro: A Noite, s/d.)

a)      Os versos representam qual fato da história do Brasil?

b)      Comente sucintamente os motivos que apontaram o Segundo Reinado como um período de Estado centralizador e aristocrático.

respostas
Questão 1

Letra c. Ao contrário das demais, a Inconfidência Mineira ocorreu durante o período colonial.

Voltar a questão
Questão 2

Este período foi considerado de transição na história da formação do Estado brasileiro por ter sido formado entre a saída de Dom Pedro I, quando retornou a Portugal para assumir o trono, e a chegada à maioridade de Dom Pedro II, o príncipe herdeiro que em 1840 subiu ao trono no Brasil. A transição entre os governos dos dois imperadores representou também o fortalecimento do poder do estado central no Rio de Janeiro sobre as províncias, ao conter diversas revoltas separatistas ocorridas em vários pontos do país. Além disso, este também é o período em que políticos nascidos no Brasil, como Francisco de Lima e Silva e Diogo Antônio Feijó, começaram a consolidar de fato as instituições políticas nacionais exercendo a regência. O embate de ideias com outras personalidades brasileiras, como o José Bonifácio de Oliveira Sobrinho foi, fundamental para esta consolidação. 

Voltar a questão
Questão 3

Letra a. Ocorrida na província do Grão-Pará, a Cabanagem foi uma rebelião popular ocorrida no Período Regencial. As demais não ocorreram no Grão-Pará ou não se caracterizaram como revoltas populares.

Voltar a questão
Questão 4

a)      Os versos representam a subida de Dom Pedro II ao trono, quando houve o chamado Golpe da Maioridade, com o imperador assumindo o trono aos 14 anos.

b)     Essas afirmações se devem ao fato de que durante o final do Período Regencial houve o fortalecimento da centralidade dos poderes executivos existentes no Império em detrimento da função legislativa das províncias, sendo revogada, em 1840, a autonomia legislativa dessas. A contenção de todas as tentativas de separação territorial, expressas nas reivindicações das várias revoltas regionais do período, e a manutenção da unidade territorial garantiram prestígio ao governo central e à aristocracia, classe proprietária de terras que controlava o Estado à época.

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
artigo
relacionado
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola