Topo
pesquisar

Exercícios sobre República Oligárquica

Exercícios de História do Brasil

Com estes exercícios sobre República Oligárquica, você pode exercitar seus conhecimentos sobre esse período importante da história brasileira. Publicado por: Cláudio Fernandes
questão 1

A República Oligárquica ficou caracterizada pelo sistema político contaminado por interesses regionais. Esse tipo de política acabou por produzir fenômenos como o “voto de cabresto” e o “clientelismo”, típicos de um fenômeno maior conhecido como:

a) anarquismo.

b) coronelismo.

c) fascismo.

d) peronismo.

e) absolutismo.

questão 2

(Mackenzie) "Em julho de 1924, a elite paulista buscava fugir da capital, bombardeada a esmo pelas forças legalistas (...). Os misteriosos tenentes, dos quais toda a gente falava, tinham ocupado a cidade". Boris Fausto.

O trecho se reporta a um dos movimentos tenentistas dos anos 20, cujo objetivo era:

a) Defender o setor cafeeiro em detrimento dos demais produtos nacionais.

b) Apoiar o governo de Artur Bernardes, representante de seus ideais.

c) Introduzir um governo esquerdista, apoiando as reivindicações anarco-sindicalistas.

d) Estabelecer o voto secreto e a derrubada da oligarquia paulista, expressão dos piores vícios do regime.

e) Restabelecer o governo monárquico, considerado politicamente mais estável.

questão 3

A Revolução Federalista, ocorrida entre 1893 e 1895, no Rio Grande do Sul, contra o governo de Júlio de Castilhos, que era apoiado pelo poder federal republicano, tinha como reivindicação principal:

a) a criação de um regime parlamentarista republicano, cujo primeiro-ministro governaria de fato.

b) a mudança da capital do país, do Rio de Janeiro para Brasília.

c) a mudança da capital do país, do Rio de Janeiro para o Rio Grande do Sul.

d) o restabelecimento da monarquia, mas com viés parlamentarista.

e) a descentralização política do poder e a maior autonomia dos estados.

questão 4

(UFC) "Eram certas as notícias. Canudos aumentara em três semanas de modo extraordinário. (...) Como nos primeiros tempos de fundação, a todo momento, pelo alto das colinas, apontavam grupos de peregrinos em demanda da paragem lendária - trazendo tudo, todos os haveres; muitos carregando em redes os parentes enfermos, moribundos ansiando pelo último sono naquele sono sacrossanto, ou cegos, paralíticos ou lázaros, destinando-se ao milagre, à cura imediata, a um simples gesto do taumaturgo venerado." (CUNHA, Euclydes da. Os Sertões. Campanha de Canudos. 37 ed. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1995. Pp. 329-330).

A partir deste relato, é correto afirmar a respeito da comunidade de Canudos que:

a) A afluência de sertanejos em direção à comunidade de Canudos permaneceu constante durante todo o período das batalhas com o exército federal e só declinou após a morte de Antônio Conselheiro, ocorrida no início do século XX.

b) A destruição de Canudos significou uma grande vitória do governo republicano brasileiro sobre o latifúndio e sobre o fanatismo dos sertanejos, que procuravam a comunidade apenas pelo seu aspecto sagrado.

c) A fácil vitória das forças federais sobre os sertanejos acampados em Canudos deveu-se à fragilidade do exército de Antônio Conselheiro, formado por velhos e enfermos.

d) A comunidade de Canudos representava para os sertanejos pobres uma alternativa de vida diante do latifúndio, e a fé em Antônio Conselheiro se fortaleceu mais ainda com as primeiras vitórias sobre as forças federais.

e) A derrota final do exército federal em Canudos demonstrou a força do comunismo que se praticava naquela comunidade, onde a produção representava o centro das atividades dos sertanejos liderados por Antônio Conselheiro.

respostas
Questão 1

Letra B

O coronelismo foi um fenômeno sociopolítico típico das regiões do sertão do Brasil na época da República Oligárquica. Os chamados “coronéis” eram chefes políticos locais, geralmente latifundiários, que estabeleciam uma relação de favores e dependência com a população local. Essa população acabava formando o “curral eleitoral”, isto é, as pessoas eram obrigadas a votar no “coronel”, haja vista que eram forçadas a declarar o voto.

Voltar a questão
Questão 2

Letra D

O movimento tenentista marcou a República Velha por ter desencadeado várias revoltas contra o poder estabelecido com o objetivo de acabar com o sistema oligárquico e seus mecanismos eleitorais. Além da Revolução de 1924, os tenentes ficaram conhecidos também por terem realizado a expedição chamada Coluna Prestes.

Voltar a questão
Questão 3

Letra E

Os federalistas rio-grandenses lutavam pela descentralização do poder político na República, pois queriam mais autonomia para os estados da Federação – tal como acontecia no sistema dos Estados Unidos. Essa perspectiva confrontava diretamente o ideal centralizador e autoritário defendido por Júlio de Castilhos e outros representantes da República à época.

Voltar a questão
Questão 4

Letra D

O Arraial de Canudos, na Bahia, foi um símbolo de comunidade alternativa que tentou manter o seu espaço político, guiado pelo catolicismo popular, à revelia do poder político republicano. Para tanto, os sertanejos também formaram um exército para combater as forças oficiais. Após cinco expedições do exército republicano contra o Arraial, este veio a cair, com milhares de mortos.

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
artigo
relacionado
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola