Topo
pesquisar

Exercícios sobre as Grandes Mulheres da História

Exercícios de História

Com estes exercícios sobre as Grandes Mulheres da História, você pode testar seus conhecimentos sobre algumas das mais destacadas mulheres de todos os tempos. Publicado por: Cláudio Fernandes
questão 1

Ao longo da história da Inglaterra, algumas mulheres desempenharam um papel decisivo no âmbito político. Entre essas mulheres, podemos destacar a rainha Elizabeth I, no século XVI, e a Primeira-ministra Margaret Thatcher, no século XX, que, respectivamente:

a) conquistou um vasto território na Ásia, tornando-se soberana da Índia; recusou envolver-se na Guerra das Malvinas, contra a Argentina.

b) combateu o anglicanismo em seu país, contrariando o legado de Henrique VIII; promoveu uma série de reformas de cunho socialista que beneficiaram a classe operária inglesa.

c) completou a obra reformista anglicana de Henrique VIII, seu pai; combateu o sindicalismo inglês e implementou medidas de cunho liberal na economia da Inglaterra.

d) seguiu os preceitos da Contrarreforma Católica, aplicando-os ao seu reinado; seguiu os preceitos do marxismo, aplicando-os em seu projeto político-econômico nos anos 1980.

e) não teve dificuldades em ser aceita como rainha após a morte de seu pai, Henrique VIII; não precisou ser membro do Parlamento britânico para ser alçada à condição de Primeira-ministra.

questão 2

(FEI-SP, adaptada) Há mais de seiscentos anos nascia Santa Joana D' Arc em Domrémy (França). Aos 19 anos, tornou-se uma heroína e mártir da religião. A vida de Joana D' Arc está associada à:

a) Guerra dos Cem Anos, que indica os conflitos armados entre a França e o Sacro Império Romano-Germânico resultantes das rivalidades entre católicos e protestantes.

b) Guerra das Duas Rosas, lutas dinásticas realizadas pela sucessão do trono da França durante o século XV.

c) Guerra dos Trinta Anos, ocorrida entre a França e a Espanha durante a dinastia dos Habsburgos. Neste conflito, Joana D’Arc foi queimada na fogueira pela Inquisição espanhola.

d) Guerra dos Cem Anos, que indica uma série de conflitos armados entre Inglaterra e França entre os séculos XIV e XV.

e) Expansão do Reino Franco, que, ao incorporar a maior parte da Europa Ocidental e Central, configurou o Império Carolíngio.

questão 3

Entre as principais mulheres que tiveram destaque na Idade Antiga, estão Cleópatra e Roxane, que foram, respectivamente:

a) rainha do Egito no século I. a.C.; rainha dos Fenícios, no século III a.C.

b) rainha do Egito no século I a.C.; esposa de Alexandre, o Grande, da Macedônia.

c) rainha dos persas, esposa de Ciro, o Grande; esposa de Alexandre, o Grande, da Macedônia.

d) imperatriz celta, que viveu no século III a.C.; rainha do Egito no século I.

e) rainha dos Fenícios, no século III a.C.; Imperatriz da Babilônia, esposa de Nabucodonosor.

questão 4

(FGV) “Chiquinha Gonzaga alinha-se a outras figuras femininas do Império (...) como a Imperatriz Leopoldina e Anita Garibaldi. Todas as três, embora de diferentes maneiras, de diferente proveniência social e, em diferentes épocas, desempenharam um papel político que, certamente, contribuiu para as mudanças por elas defendidas e as inscreveu na História do Brasil”. (Suely Robles Reis de Queiroz, Política e cultura no império brasileiro. 2010). Em termos políticos, a Imperatriz Leopoldina, Anita Garibaldi e Chiquinha Gonzaga, respectivamente:

a) atuou, ao lado de Dom Pedro e de José Bonifácio, no processo de emancipação política do Brasil; participou da mais longa rebelião regencial, a Farroupilha; militou pela abolição da escravatura e pela queda da Monarquia.

b) articulou a bancada constitucional brasileira na Assembleia Constituinte; organizou as forças populares participantes da rebelião regencial ocorrida no Grão-Pará, a Cabanagem; foi a primeira mulher brasileira a se eleger para o Senado durante o Império.

c) convenceu Dom Pedro I a assumir o trono português após a morte do rei Dom João VI; defendeu a ampliação dos direitos de cidadania durante a reforma constitucional que instituiu o Ato Adicional; liderou uma frente parlamentar de apoio às leis abolicionistas.

d) participou como diplomata do Império brasileiro na Guerra da Cisplatina; foi a primeira mulher a trabalhar como jornalista e romancista durante o Segundo Reinado; tornou-se uma importante liderança política na defesa do fim do tráfico de escravos para as Américas.

e) articulou com os diplomatas ingleses o reconhecimento da Independência do Brasil junto a Portugal; foi uma importante liderança militar no processo de Guerra de Independência da Bahia; criou a primeira associação política em defesa do voto feminino no Brasil.

respostas
Questão 1

Letra C

Elizabeth I, da Inglaterra, reinou durante a segunda metade do século XVI, durante a época das guerras civis religiosas na Europa. Continuou o legado de seu pai, o reformista criador do anglicanismo, Henrique VIII – apesar de este não querer, quando vivo, ser sucedido por uma filha, mas, sim, por um filho. Já Margaret Thatcher governou o Reino Unido de 1975 a 1979. Foi uma das maiores representantes da política econômica liberal (ou neoliberal, para alguns) da segunda metade do século XX. Fez dura oposição ao aparelhamento que o sindicalismo britânico havia feito da máquina pública estatal nas décadas anteriores.

Voltar a questão
Questão 2

Letra D

Joana D'Arc ficou conhecida por ter comandado o exército francês na luta contra os ingleses durante a Guerra dos Cem Anos, no século XV. É também tida pelos católicos como uma santa mística e mártir da Igreja, tendo sido canonizada em 1920 por Bento XV.

Voltar a questão
Questão 3

Letra B

Cleópatra foi rainha do Egito helenístico na época em que a República Romana começava a se tornar bastante poderosa. Sua fama advém do fato de ter conseguido seduzir e persuadir dois grandes líderes da República romana, Júlio César e Marco Antônio. Já Roxane era filha de um nobre persa chamado Oxiartes. Alexandre, o Grande, tomou-a como esposa e com ela teve seu filho, Alexandre IV.

Voltar a questão
Questão 4

Letra A

Leopoldina da Áustria, que era esposa de D. Pedro I e mãe de D. Pedro II, desempenhou papel importantíssimo na fase de consolidação do Império Brasileiro. Anita Garibaldi, que recebeu esse nome pelo seu relacionamento com Giuseppe Garibaldi, revolucionário italiano que lutou no Brasil durante a Revolução Farroupilha, foi uma das mais destacadas mulheres que se envolveram em campanhas militares no Brasil. A musicista Chiquinha Gonzaga, por sua vez, além de ter se destacado como artista, teve também grande atuação no cenário político, militando como defensora dos ideais republicanos e pela abolição da escravatura, ao lado de nomes como Joaquim Nabuco, Rebouças e José do Patrocínio.

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
artigo
relacionado
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola