Topo
pesquisar

Exercícios sobre criacionismo

Exercícios de História

Com estes exercícios sobre criacionismo, você poderá testar seus conhecimentos sobre a corrente de pensamento que produz muita polêmica no meio científico e filosófico. Publicado por: Cláudio Fernandes
questão 1

Pode-se dizer que o criacionismo caracteriza-se pela defesa do seguinte argumento:

a) todas as espécies de seres vivos existentes evoluíram ao logo do tempo, seguindo as leis da seleção natural.

b) a vida, o universo e todos os seres existentes não passaram a existir do nada sem que houvesse um ser superior e eterno que os tivesse concebido inteligentemente.

c) o desenvolvimento da vida e das grande diversidade de seres vivos independe de algo externo à materialidade da existência.

d) nenhum ser vivo pode ser tido como membro de uma espécie independentemente das leis da seleção natural.

e) Richard Dawkins, zoólogo britânico, contribui atualmente para o endosso do criacionismo, haja vista que acredita na existência de um lógica sobrenatural no curso da vida na Terra.

questão 2

(UNESP) “O mundo seria ordenado demais, harmonioso demais, para que se possa explicá-lo sem supor, na sua origem, uma inteligência benevolente e organizadora. Como o acaso poderia fabricar um mundo tão bonito? Se encontrassem um relógio num planeta qualquer, ninguém poderia acreditar que ele se explicasse unicamente pelas leis da natureza, qualquer um veria nele o resultado de uma ação deliberada e inteligente. Ora, qualquer ser vivo é infinitamente mais complexo do que o relógio mais sofisticado. Não há relógio sem relojoeiro, diziam Voltaire e Rousseau. Mas que relógio ruim o que contém terremotos, furacões, secas, animais carnívoros, um sem-número de doenças – e o homem! A história natural não é nem um pouco edificante. A história humana também não. Que Deus após Darwin? Que Deus após Auschwitz?” (André Comte-Sponville. Apresentação da filosofia, 2002. Adaptado.)

Sobre os argumentos discorridos pelo autor, é correto afirmar que a existência de Deus é:

a) defendida mediante um argumento de natureza estética, em oposição ao caráter ideológico e alienante das crenças religiosas.

b) tratada como um problema sobretudo metafísico e teológico, diante do qual são irrelevantes as questões empíricas e históricas.

c) abordada sob um ponto de vista bíblico-criacionista, em oposição a uma perspectiva romântica peculiar ao iluminismo filosófico.

d) problematizada mediante um argumento de natureza mecanicista-causal, em oposição ao problema ético da existência do mal.

e) tratada como uma questão concernente ao livre-arbítrio da consciência, em detrimento de possíveis especulações filosóficas.

questão 3

Alguns criacionistas acreditam que a evolução das espécies, tal como desenvolvida por Charles Darwin (1809 a 1882), não é necessariamente um empecilho à ideia de que o mundo e os seres vivos tenham sido criados por Deus. Isso porque:

a) Darwin também estudou teologia, então sempre teve como objetivo principal provar que Deus havia criado todas as espécies de seres vivos existentes.

b) religião e ciência são inconciliáveis, então os pressupostos científicos não precisam ser estudados e compreendidos pelos religiosos.

c) a doutrina da Criação não ignora postulados científicos prováveis, apenas rejeita doutrinas ideológicas e filosóficas, como o materialismo e o ateísmo.

d) Darwin concebeu a teoria da evolução das espécies por meio de uma Revelação Divina.

e) nenhuma das alternativas.

questão 4

É correto dizer que, além da tradição judaico-cristã:

a) nenhuma outra tradição cultural concebeu a ideia de que um único Deus criou o mundo e a vida e deu ao homem uma alma imortal.

b) nenhuma outra tradição cultural concebeu a ideia de um deus ou deuses criadores do mundo e da vida.

c) uma parte da tradição da filosofia moderna, o cientificismo e o materialismo, também encara o mundo e os seres vivos como parte de uma Criação sobrenatural.

d) não há nenhuma outra tradição cultural que conteste as teses evolucionistas.

e) a filosofia grega, sobretudo a obra de Aristóteles, contribuiu sobremaneira para as teses evolucionistas de Charles Darwin.

respostas
Questão 1

Letra B

O criacionismo, ainda que tenha correntes divergentes em seu interior, tem como pressuposto básico a existência de um ser superior e eterno (Deus) que teria criado ex nihil (do nada) toda a realidade existente, seja a material, intuída pelos sentidos e inteligida pela consciência, seja espiritual.

Voltar a questão
Questão 2

Letra D

André Comte-Sponville é um notório filósofo ateu e, no texto da questão, defende seu ponto de vista contra a religião e a possibilidade de um Deus criador, argumentando que toda a desordem que existe no mundo, seja natural, seja humana, não deveria existir se esse Deus de fato existisse.

Voltar a questão
Questão 3

Letra C

Uma parte dos defensores do criacionismo não ignora a pertinência das hipóteses evolucionistas, mas contesta o uso ideológico que se faz delas para desconsiderar a existência de uma realidade espiritual.

Voltar a questão
Questão 4

Letra A

A tradição judaico-cristã não é a única que, em suas concepções religiosas e cosmológicas, concebe a ideia de que o mundo e a vida foram criados por uma (ou mais, no caso de outras religiões) entidade sobrenatural. Entretanto, é a única que acredita que um único Deus é pai de toda a Criação e deu ao homem o privilégio de ter uma alma imortal.

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
artigo
relacionado
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola