Topo
pesquisar

Exercícios sobre a Peste Negra

Exercícios de História

Nestes exercícios sobre Peste Negra você poderá atualizar e avaliar seus conhecimentos acerca deste fato e do contexto no qual ele se enquadra. Publicado por: Cláudio Fernandes
questão 1

(Mackenzie) A peste negra, que dizimou cerca de um terço da população europeia, as revoltas camponesas ocasionadas pelo precário equilíbrio da produção agrícola e a Guerra dos Cem Anos, entre França e Inglaterra, foram responsáveis:

a) pela formação da sociedade feudo-clerical.

b) pela crise do mercantilismo econômico.

c) pelo fortalecimento da nobreza em detrimento do poder real.

d) pela aceleração da crise do absolutismo.

e) pela crise do feudalismo e consolidação do poder real.

questão 2

(ENEM-MEC) A Peste Negra dizimou boa parte da população europeia, com efeitos sobre o crescimento das cidades. O conhecimento médico da época não foi suficiente para conter a epidemia. Na cidade de Siena, Agnolo di Tura escreveu: “As pessoas morriam às centenas, de dia e de noite, e todas eram jogadas em fossas cobertas com terra e, assim que essas fossas ficavam cheias, cavavam-se mais. E eu enterrei meus cinco filhos com minhas próprias mãos (...) E morreram tantos que todos achavam que era o fim do mundo.”

Agnolo di Tura. The Plague in Siena: An Italian Chronicle. In: William M. Bowsky. The Black Death: a turning point in history? New York: HRW, 1971 (com adaptações).

O testemunho de Agnolo di Tura, um sobrevivente da Peste Negra que assolou a Europa durante parte do século XIV, sugere que:

a) o flagelo da Peste Negra foi associado ao fim dos tempos.

b) a Igreja buscou conter o medo da morte, disseminando o saber médico.

c) a impressão causada pelo número de mortos não foi tão forte, porque as vítimas eram poucas e identificáveis.

d) houve substancial queda demográfica na Europa no período anterior à Peste.

e) o drama vivido pelos sobreviventes era causado pelo fato de os cadáveres não serem enterrados.

questão 3

Leia o texto a seguir: “A pandemia que ficou conhecida como Peste Negra assolou a Europa durante o século XIV. Considerável parte da bibliografia sobre a Idade Média dedica poucas páginas aos fenômenos relacionados a esse terrível fato, que marcou profundamente o Ocidente, produzindo representações e símbolos que permanecem nos nossos dias. Segundo os cronistas, poucos acontecimentos foram trágicos como a doença que, por volta de 1347-1350, teria sido a causa do desaparecimento de um terço da população europeia. O período entre 1300 e o século XVII ficou marcado pela introdução, na Europa, de moléstias oriundas da Ásia, provocada pelos movimentos populacionais e comerciais. A movimentação do agente da peste, Yersinia pestis, a partir dos nichos primitivos no sudoeste da China, transcorreu através das rotas das caravanas pela Ásia e espalhou-se pelo continente a partir dos portos do Mediterrâneo.” (SANTOS, Ricardo Augusto dos. “O Carnaval, a peste e a 'espanhola'”. Hist. Cienc. Saúde-Manguinhos [online]. 2006, vol. 13, n.1, pp.129-158.)

Partindo das informações apresentadas no texto acima, é possível afirmar que a Peste Negra chegou à Europa por meio:

a) da vinda de chineses que queriam dizimar a população europeia para poderem ser apropriar de suas matérias-primas e de suas rotas comerciais.

b) dos portos do Mar Mediterrâneo, que eram centros de proliferação de moléstias.

c) das rotas de caravanas que vinham da China e de outras regiões asiáticas, onde já havia presença do bacilo Yersinia pestis, agente causador da Peste.

d) dos judeus, que, desde a Idade Antiga, migraram para Europa e foram considerados culpados pela Peste.

e) de armas biológicas, desenvolvidas na Ásia, cujo objetivo era controle demográfico da Europa e da Ásia.

questão 4

A pandemia conhecida como Peste Negra assolou a população europeia no século XIV e, junto com a grande revolta camponesa que ocorrera nesta mesma época, compôs o cenário da chamada Crise do Século XIV. Sobre a Peste Negra é INCORRETO afirmar que:

a) O agente biológico causador da peste era o bacilo Yersinia pestis, que foi transmitido inicialmente aos humanos por ratos e pulgas.

b) A Peste causou enorme mortandade na Europa, dizimando 1/3 da população europeia.

c) As causas da Peste não foram explicadas do ponto de vista biológico, na época, porque o conhecimento científico ainda não havia se desenvolvido com precisão.

d) A Peste era chamada de “Negra” por ter se disseminado na Europa através da grande migração de negros africanos durante o século XIV para o território europeu.

e) A culpa pela disseminação da Peste foi atribuída aos judeus.

respostas
Questão 1

Letra E.

As revoltas camponesas e a Guerra dos Cem Anos, somadas à Peste Negra, configuram a chamada Crise do século XIV, na Europa, ou, como também é conhecida: Crise da Baixa Idade Média, que se caracterizou pela crise do feudalismo e pela consolidação do poder real, como aponta a letra E, que está correta. O mercantilismo econômico e o absolutismo são eventos posteriores ao século XVI, portanto as alternativas B e D estão incorretas. O poder real, a partir de fins do século XIV, cresceu em conjunto com a nobreza, enquanto tal crescimento se sobrepôs à antiga organização feudal e clerical. Assim sendo, as alternativas C e A estão incorretas.

Voltar a questão
Questão 2

Letra A.

A partir de uma leitura cerrada do texto, percebemos que o cronista italiano, Agnolo di Tura, estabelece uma relação direta do acontecimento catastrófico que foi a Peste Negra com o “fim do mundo”, dando o testemunho da enorme quantidade de pessoas que morreram em decorrência dela. Desse modo, a letra A está correta, enquanto que a letra D está errada por sugerir que a queda demográfica na Europa se deu no período anterior ao da Peste. A impressão terrível que se tinha da Peste se dava, em grande parte, por causa do número elevado de mortos acometidos por ela (sendo assim, a alternativa C está incorreta). Não havia como combater a Peste com o conhecimento médico disponível naquela época, nem se fosse amplamente fomentado pela Igreja, e, sendo o número de mortos muito elevado, os cadáveres não tinham um funeral individual, mas eram enterrados em valas comuns; isto não implicou no principal drama dos sobreviventes. Seu drama principal era não saber quantas vidas mais a Peste arrastaria. (Isso invalida as alternativas B e E).

Voltar a questão
Questão 3

Letra C.

O texto descreve a provável rota por meio da qual o bacilo causador da Peste Negra adentrou o território europeu; esta rota era a mesma das caravanas de comércio que iam da Ásia à Europa, já que as doenças acompanhavam a movimentação humana no mundo medieval, principalmente por meio dos navios e dos portos. Assim sendo, a alternativa C está correta e a alternativa B, errada, pois a Peste não adveio especificamente dos portos. Nem chineses e nem judeus foram responsáveis por qualquer praga, peste ou doença. Esse argumento geralmente se origina da busca por esteriótipos de perseguição – povos estrangeiros, como os dois citados, constituem um destes esteriótipos (alternativas A e D estão incorretas). As doenças, no mundo medieval, não eram usadas como armas biológicas – não havia essa compreensão de armamento nesta época; tampouco o objetivo seria controle demográfico. Portanto, a alternativa E está incorreta.

Voltar a questão
Questão 4

Letra D.

Não houve uma grande migração de negros africanos para Europa no século XIV e, ainda que tivesse havido, no continente africano, à época, não constava a presença de alguma peste provocada pelo bacilo Yersinia pestis. A letra D está incorreta por ser a única a apresentar uma informação sem conexão real com o contexto do século XIV.

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
artigo
relacionado
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola