Topo
pesquisar

Exercícios sobre Fernando Pessoa e seus heterônimos

Exercícios de Literatura

Estes exercícios sobre Fernando Pessoa e seus heterônimos abordam as várias facetas de um dos maiores poetas da língua portuguesa. Publicado por: Luana Castro Alves Perez
questão 1

Relacione os fragmentos a seguir de acordo com as características dos heterônimos de Fernando Pessoa:

I.

(...) Mas serenamente 
Imita o Olimpo 
No teu coração. 
Os deuses são deuses 
Porque não se pensam.”

II.

(...) Começo a conhecer-me. Não existo. 
Sou o intervalo entre o que desejo ser e os outros me fizeram, 
ou metade desse intervalo, porque também há vida ... 
Sou isso, enfim (...)”.

III.

“(...) Eu não tenho filosofia: tenho sentidos...

Se falo na Natureza não é porque saiba o que ela é,

mas porque a amo, e amo-a por isso,

Porque quem ama nunca sabe o que ama

Nem sabe por que ama, nem o que é amar ...

Amar é a eterna inocência,

E a única inocência não pensar...”.

IV.

“(...) Será que em seu movimento

A brisa lembre a partida,

Ou que a largueza do vento

Lembre o ar livre da ida?

Não sei, mas subitamente

Sinto a tristeza de estar

O sonho triste que há rente

Entre sonhar e sonhar.”

( ) Bernardo Soares.

( ) Álvaro de Campos.

( ) Alberto Caeiro.

( ) Ricardo Reis.

a) IV, II, III e I.

b) I, II, IV e III.

c) III, I, IV e II.

d) II, IV, I e III.

questão 2

A tirinha acima estabelece uma interessante relação dialógica com o poema de Fernando Pessoa, Eu sou do tamanho do que vejo
A tirinha acima estabelece uma interessante relação dialógica com o poema de Fernando Pessoa, Eu sou do tamanho do que vejo

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo...

Por isso minha aldeia é grande como outra qualquer

Porque sou do tamanho do que vejo

E não do tamanho da minha altura...

(Alberto Caeiro)

A tira de Hagar e o poema de Alberto Caeiro (um dos heterônimos de Fernando Pessoa) expressam, com linguagens diferentes, uma mesma ideia: a de que a compreensão que temos do mundo é condicionada, essencialmente,

a) pelo alcance de cada cultura.

b) pela capacidade visual do observador.

c) pelo senso de humor de cada um.

d) pela idade do observador.

e) pela altura do ponto de observação.

questão 3

(FEI - SP)

Autopsicografia

O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.
E os que leem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.
E assim nas calhas de roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama coração.

Fernando Pessoa

A palavra título indica que:

a) o texto apresentará a visão do eu lírico sobre os outros com quem convive.

b) o poema tecerá considerações sobre a subjetividade do próprio eu lírico.

c) o texto discutirá a formação do leitor.

d) o poema dialogará com os leitores em potencial.

e) o poema tecerá considerações sobre o amor.

questão 4

Assinale a sequência correta de acordo com as características dos heterônimos de Fernando Pessoa:

I. Um dos heterônimos mais importantes, embora seja um camponês sem estudo. Seu estilo direto e simples, na verdade, esconde reflexões profundas que estão na contramão do pensamento filosófico. Uma de suas obras mais conhecidas é “O Guardador de Rebanhos”.

II. Sua obra é marcada por três fases: na primeira, é o tédio e a busca por diferentes experiências que marcam a poesia; na segunda, a crença na civilização; na terceira, o intimismo, a introspecção e o pessimismo.

III. Apresenta uma linguagem culta e clássica em poemas que fazem alusões à mitologia grega. É pouco espontâneo, e em sua poesia predomina um tom sentencioso de caráter moralizante.

IV. Um semi-heterônimo parecido com Álvaro de Campos, muito próximo de Fernando Pessoa e, conforme o próprio escritor, "não sendo a personalidade a minha, é, não diferente da minha, mas uma simples mutilação dela. Sou eu menos o raciocínio e afetividade."

a) Bernardo Soares, Fernando Pessoa, Alberto Caeiro e Mário de Sá-Carneiro.

b) Álvaro de Campos, Ricardo Reis, Fernando Pessoa e Álvaro de Campos.

c) Ricardo Reis, Álvaro de Campos, Bernardo Soares e Alberto Caeiro.

d) Alberto Caeiro, Álvaro de Campos, Ricardo Reis e Bernardo Soares.

respostas
Questão 1

Alternativa “a”. Bernardo Soares é uma espécie de alter ego do poeta. É dele uma das mais importantes obras de Fernando Pessoa, Livro do desassossego. A principal característica de Alberto Caeiro é a forte ligação com a natureza e a negação de qualquer tipo de pensamento filosófico. Entre todos os heterônimos, Álvaro de Campos foi o único a apresentar fases poéticas diferentes: foi decadentista, futurista e niilista. Concebida no estilo Neoclássico, a poesia de Ricardo Reis caracteriza-se pelo emprego de uma linguagem culta e precisa, distante de espontaneidade.

Voltar a questão
Questão 2

Alternativa “a”.

Voltar a questão
Questão 3

Alternativa “b”. Autopsicografia significa dizer: auto, do grego autós, -ê, -ó, eu mesmo, ele mesmo. Exprime a noção de próprio, de si próprio, por si próprio. Psicografia. s. f.1. História ou descrição da alma. Podemos dizer que autopsicografia diz respeito a uma pessoa, no caso, o poeta Fernando Pessoa, que faz a descrição da sua própria alma, do fazer literário do poeta.

Voltar a questão
Questão 4

Alternativa “d”.

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola