Topo
pesquisar

Exercícios sobre Equação Geral dos Gases

Exercícios de Química

Através das três transformações gasosas (isotérmica, isobárica e isocórica), chega-se à equação geral dos gases (P.V/T=k). Publicado por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça
questão 1

Mediu-se a temperatura de 20 L de gás hidrogênio (H2) e o valor encontrado foi de 27 ºC a 700 mmHg. O novo volume desse gás, a 87 ºC e 600 mmHg de pressão, será de:

  1. 75 L.

  2. 75,2 L.

  3. 28 L.

  4. 40 L.

  1. 38 L.

questão 2

Uma massa fixa de um gás perfeito passa pelo ciclo ABCD, como desenhado, dentro de um pistão (cilindro com êmbolo). A temperatura em A é TA = 500 K.

Gráfico de transformações de gás perfeito

Identifique o nome das transformações gasosas, respectivamente:

      A → B;      B → C;       C → D;    D → A.

  1. Isotérmica, isocórica, isotérmica, isocórica.

  2. Isotérmica, isobárica, isotérmica, isobárica.

  3. Isocórica, isotérmica, isocórica, isotérmica.

  4. Isobárica, isotérmica, isotérmica, isocórica.

  1. Isotérmica, isotérmica, isotérmica, isobárica.

questão 3

(Estácio-RJ) Um volume de 10 L de um gás perfeito teve sua pressão aumentada de 1 para 2 atm e sua temperatura aumentada de -73 °C para +127 °C. O volume final, em litros, alcançado pelo gás foi de:

a) 50
b) 40
c) 30
d) 10
e) 20

questão 4

(UCDB-MS) Certa massa de gás estava contida em um recipiente de 20 L, à temperatura de 27ºC e pressão de 4 atm. Sabendo que essa massa foi transferida para um reservatório de 60 L, à pressão de 4 atm, podemos afirmar que no novo reservatório:

  1. A temperatura absoluta ficou reduzida a 1/3 da inicial.

  2. A temperatura absoluta ficou reduzida de 1/3 da inicial.

  3. A temperatura em ºC triplicou o seu valor inicial.

  4. A temperatura em ºC ficou reduzida a 1/3 de seu valor inicial.

  1. A temperatura absoluta triplicou seu valor inicial.

respostas
Questão 1

Alternativa “c”.

É importante lembrar que a temperatura deve ser dada obrigatoriamente em kelvin:

T (K) = T (ºC) + 273              T (K) = T (ºC) + 273
T (K) = 27 + 273                    T (K) = 87 + 273
T (K) = 300 K                        T (K) = 360 K

P1V1 = P2V2
   T1        T2          

700 . 20 = 600 . V2
    300            360
14 000 = 600 . V2
    300       360
300 (600 . V2) = 14 000 . 360
180 000 . V2 = 5 040 000                   
V2 = 5 040 000
           180 000
V2 = 28 L

Voltar a questão
Questão 2

Alternativa “a”.

Dados:

A                     B                     C                     D
PA = 10           PB = 6             PC = 3,6          PD = 6
VA = 6             VB = 10           VC = 10           VD = 6
TA = 500K      TB = ?              TC = ?              TD = ?

Precisamos usar a equação dos gases ideais para descobrir os valores das demais temperaturas e confirmar o tipo de transformação:

PAVA = PBVB
   TA        TB        
10 . 6 = 6 . 10
   500      TB  
60 .  TB = 30 000
TB = 500 K → A temperatura de A para B permaneceu a mesma, então é uma transformação isotérmica. Olhando no gráfico, nós confirmamos isso, porque de A → B, temos uma hipérbole (isoterma).

PBVB = PCVC
   TB        TC        
6 . 10 = 3,6 . 10
  500         TC
60 .  TC = 18 000
TC = 300 K → A temperatura de B para C diminuiu, mas vemos que o volume permaneceu igual (10 L), então é uma transformação isocórica.

PCVC = PDVD
   TC       TD      
3,6 . 10 = 6 . 6
  300         TD  
36.  TD = 300
TD = 300 K → A temperatura de C para D permaneceu constante, sendo uma transformação isotérmica.

De D → A, o volume permaneceu igual a 6L, sendo, portanto, uma transformação isocórica.

Voltar a questão
Questão 3

Alternativa “d”.

T (K) = T (ºC) + 273              T (K) = T (ºC) + 273
T (K) = -73 + 273                   T (K) = 127 + 273
T (K) = 200 K                        T (K) = 400 K

P1V1 = P2V2
   T1        T2          

1 . 10 = 2. V2
  200      400
400V2 = 4 000
V2 = 10 L

Voltar a questão
Questão 4

Alternativa “e”.

T (K) = T (ºC) + 273
T (K) = 27 + 273
T (K) = 300 K

P1V1 = P2V2
   T1        T2
4 . 20 = 4 . 60
  300        T2          

80. T2 = 72000
T2 = 72000/80
T2 = 900 K

Se a temperatura inicial era de 300 K e a final era de 900 K, isso significa que a temperatura absoluta (em kelvin) triplicou o seu valor inicial (3 . 300).

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
artigo
relacionado
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola