Topo
pesquisar

Exercícios sobre mistura de soluções sem reação

Exercícios de Química

Em uma mistura de soluções com solutos diferentes ou iguais, em que não ocorre reação química, a massa e o volume dos compostos envolvidos permanecem constantes. Publicado por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça
questão 1

Misturou-se 1 L de uma solução aquosa de cloreto de sódio (NaCl) 0,1 mol/L a 1 L de uma solução aquosa de cloreto de sódio (NaCl) 0,2 mol/L, obtendo-se uma nova solução aquosa com volume igual a 2 L. A partir desses dados, determine qual alternativa corresponde corretamente à concentração em quantidade de matéria (em mol/L) da nova solução obtida:

  1. 1,0

  2. 2,0

  3. 0,15

  4. 0,3

  1. 0,25

Ver Resposta
questão 2

Para originar uma solução de concentração igual a 120 g/L, qual é o volume em litros de uma solução de CaCl2 de concentração 200 g/L que deve ser misturado a 200 mL de uma outra solução aquosa de CaCl2 de concentração igual a 100 g/L?

  1. 0,05

  2. 50

  3. 296,25

  4. 0,296

  1. 0,3

Ver Resposta
questão 3

(UFMG) O quadro abaixo representa as quantidades utilizadas na preparação de três soluções aquosas de permanganato de potássio (KMnO4).

Analise o quadro quanto às concentrações das soluções e assinale a alternativa correta.

  1. Se adicionarmos a solução II à solução III, a concentração final será menor que a da solução I.

  2. Se adicionarmos 100 mL de água à solução I, a concentração final será a mesma da solução III.

  1. A solução mais concentrada é a que tem o menor volume.

  2. A solução mais diluída é a que tem a maior massa do soluto.

Ver Resposta
questão 4

(UFRN) Misturando-se 100 mL de uma solução aquosa 0,10 mol/L de NaCl com 100 mL de uma solução aquosa 0,1 molar de KCl , a solução resultante deverá apresentar concentrações molares de Na+, K+ e Cl- respectivamente iguais a:

a) 0,05; 0,05; 0,10

b) 0,10; 0,10; 0,10

c) 0,10; 0,10; 0,20

d) 0,10; 0,20; 0,10

e) 0,20; 0,20; 0,10

Ver Resposta
respostas
Questão 1

Alternativa “c”.

M1 . V1 + M2 . V2 = M . V
(0,1 mol/L) . (1 L) + (0,2 mol/L) . (1 L) = M . 2 L
0,1 mol + 0,2 mol =  M . 2 L
M = (0,1 + 0,2) mol
                2 L
M = 0,15 mol/L

Voltar a questão
Questão 2

Alternativa “a”.

Dados:

C1 = 200 g/L
V1 = ?
C2 = 100 g/L
V2 = 200 mL = 0,2 L
C = 120 g/L
V = V1 + V2 = V1 + 0,2

C1 . V1 + C2 . V2 = C . V
200 . V1 + 100 . 0,2 = 120 . (V1 + 0,2)
200 V1 + 20 = 120 V1 + 24
200 V1 -120 V1 = 24 – 20
80 V1 = 4
V1 = 4/80
V1 = 0,05 L

Voltar a questão
Questão 3

Alternativa “a”.

Solução I:

4 g de KMnO4 --------- 0,1 L de solução
XI ------------------------- 1 L de solução
 XI = 1 . 4/ 0,1
XI = 40 g/L de KMnO4

Solução II:

6 g de KMnO4 --------- 0,3 L de solução
XII ------------------------- 1 L de solução
 XII = 1 . 6/ 0,3
XII = 20 g/L de KMnO4

Solução III:

12 g de KMnO4 --------- 0,2 L de solução
XIII ------------------------- 1 L de solução
 XIII = 1 . 12/ 0,2
XIII = 60 g/L de KMnO4

Analisando as alternativas, temos:

a) A adição da solução II à solução III:

Massa do soluto = 6 + 12 = 18 g
Volume final da mistura = 300 + 200 = 500 mL = 0,5 L

18 g de KMnO4 --------- 0,5 L de solução
X ------------------------- 1 L de solução
X = 1 . 18/ 0,5
X = 36 g/L de KMnO4

A concentração em massa da mistura das soluções II e III é, de fato, menor que a concentração em massa da solução I.

b) Considerando a aditividade de volume, temos:

Massa do soluto = 4 g
Volume final da mistura = 100 + 100 = 200 mL = 0,2 L

4 g de KMnO4 --------- 0,2 L de solução
X ------------------------- 1 L de solução
X = 1 . 4/ 0,2
X = 20 g/L de KMnO4

A afirmação é incorreta, pois a concentração da solução III é igual a 60 g/L.

c) A solução mais concentrada é a que apresenta a maior relação entre soluto e solvente, no caso, a solução III.

d) A solução mais diluída é a que apresenta a menor relação entre soluto e solvente, no caso, a solução II.

Voltar a questão
Questão 4

Alternativa “a”.

O volume final é V = 100 + 100 = 200 mL = 0,2 L

nº de mols de NaCl = 0,1 . 0,1 = 0,01 mol NaCl

0,01 mol de NaCl → 0,01 mol de Na¹++ e 0,01 mol de Cl¹-


nº de mols de KCl = 0,1 x 0,1 = 0,01 mol de KCl

0,01 mol de KCl → 0,01 mol de K¹++ e 0,01 mol de Cl¹-

As concentrações molares de cada um dos íons são:

[Na¹+] = 0,01 / 0,2 = 0,05 mol/L

[K¹+] = 0,01 / 0,02 = 0,05 mol/L

[Cl¹-] = (0,01 + 0,01) / 0,2 = 0,1 mol/L

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola