Topo
pesquisar

Exercícios sobre a hemofilia

Exercícios de Biologia

Para resolver os exercícios sobre hemofilia, relembre os mecanismos genéticos que envolvem a doença. Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
questão 1

(UFSCar-SP) A hemofilia é uma doença recessiva ligada ao sexo, que se caracteriza pela dificuldade de coagulação do sangue. Em um casal em que a mulher é heterozigota para a hemofilia e o marido é normal, a probabilidade de nascimento de uma criança do sexo masculino e hemofílica é:

a) 1/2

b) 1/3

c) 1/4

d) 1/8

e) 3/4

questão 2

(UEL) A hemofilia é uma doença hereditária recessiva ligada ao cromossomo sexual X, presente em todos os grupos étnicos e em todas as regiões geográficas do mundo. Caracteriza-se por um defeito na coagulação sanguínea, manifestando-se através de sangramentos espontâneos que vão de simples manchas roxas (equimoses) até hemorragias abundantes.

Com base no enunciado e nos conhecimentos sobre o tema, é correto afirmar:

a) Casamento de consanguíneos diminui a probabilidade de nascimento de mulheres hemofílicas.

b) Pais saudáveis de filhos que apresentam hemofilia são heterozigotos.

c) A hemofilia ocorre com a mesma frequência entre homens e mulheres.

d) As crianças do sexo masculino herdam o gene da hemofilia do seu pai.

e) Mulheres hemofílicas são filhas de pai hemofílico e mãe heterozigota para este gene.

questão 3

Sabemos que mulheres hemofílicas é uma condição bastante rara, e quando acontece é necessário um acompanhamento médico rigoroso, principalmente no período da menstruação. A respeito desta doença, marque a alternativa que indica um cruzamento em que há a possibilidade do nascimento de uma mulher hemofílica.

a) XHXh x XHY

b) XHXH x XhY

c) XhXh x XHY

d) XHXh x XhY

questão 4

A hemofilia é uma doença hereditária determinada por um gene recessivo ligado ao cromossomo sexual X. A respeito desta anomalia, marque a alternativa incorreta.

b) As mulheres são responsáveis por transmitir a hemofilia para seus filhos do sexo masculino.

c) A hemofilia em mulheres é um caso bastante raro.

c) Um homem hemofílico pode ser filho de pai normal.

d) Quando o pai é hemofílico, o filho do sexo masculino com certeza terá a doença.

questão 5

Observe o heredograma de uma família que apresenta alguns membros com hemofilia.

Observe o heredograma acima
Observe o heredograma acima

Com base nos dados obtidos a partir do heredograma e o seu conhecimento sobre o assunto, marque a alternativa correta.

a) O indivíduo I.2 não apresenta o gene para a hemofilia.

b) Do cruzamento entre II.4 e II.5 pode nascer uma criança hemofílica, caso II.4 seja heterozigota.

c) O indivíduo II.2 herdou seu gene para a hemofilia de seu pai.

d) o indivíduo II.1 não é hemofílico, porém é portador da doença.

respostas
Questão 1

Alternativa “c”. A possibilidade de nascer um menino é de 50% (½) em qualquer gestação. No cruzamento entre uma mulher heterozigota e um homem normal pode-se obter os seguintes genótipos: XHXH ,XHXh, XHY, XhY. Sendo assim, temos mais 50% (½) de chance de se nascer um menino hemofílico. Multiplicando as duas probabilidades temos ¼. 

Voltar a questão
Questão 2

Alternativa “e”. Para o nascimento de mulheres hemofílicas, um evento raro, é necessário o cruzamento entre mãe heterozigota e um pai hemofílico (XHXh x XhY).

Voltar a questão
Questão 3

Alternativa “d”. Para que ocorra o nascimento de uma mulher hemofílica ( XhXh ) é necessário que o pai seja hemofílico e a mãe heterozigota. Observe o cruzamento abaixo:

Observe que no cruzamento entre uma mulher heterozigota e um homem hemofílico é possível nascer uma menina hemofílica
Observe que no cruzamento entre uma mulher heterozigota e um homem hemofílico é possível nascer uma menina hemofílica

Voltar a questão
Questão 4

Alternativa “d”. Como o pai transmite o cromossomo Y para o filho homem, ele não transmite a hemofilia, uma vez que ela é ligada ao cromossomo X. 

Voltar a questão
Questão 5

Alternativa “b”. Observando o indivíduo II.2 é possível perceber o indivíduo I.2 apresenta o gene, porém não é hemofílico. Com isso, podemos concluir que as filhas II.3 e II.4 podem ou não apresentar o gene. Caso II.4 seja heterozigota, existe a possibilidade dela ter um filho hemofílico.

Voltar a questão
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
artigo
relacionado
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Exercícios Brasil Escola