Whatsapp

Exercícios sobre a Guerra Fria

Exercícios de Geografia

Teste os seus conhecimentos a respeito da Guerra Fria, conflito político e ideológico que polarizou o mundo na segunda metade do século XX. Publicado por: Daniel Neves Silva
questão 1

(IFC - adaptado) Disputando áreas de influência em várias regiões do mundo, soviéticos e estadunidenses geraram um período de graves tensões políticas, que ficou conhecido como Guerra Fria. Entre os principais alvos dos governos dos Estados Unidos e da União Soviética, nesse período, estavam os países subdesenvolvidos, como eram então chamadas as nações mais pobres da América Latina, da Ásia e da África. O período foi marcado por guerras em algumas regiões do planeta, alianças militares supranacionais, corrida militar nuclear armamentista e corrida espacial.

Fonte: COTRIM, G. História global. São Paulo: Saraiva, 2016, p.148.

Sobre a guerra fria, analise as seguintes afirmativas:

I. A Guerra da Coreia (1950-1953) determinou a seguinte divisão: Coreia do Norte socialista e Coreia do Sul capitalista.

II. Os Estados Unidos foram os primeiros a produzir e utilizar armas nucleares.

III. A corrida espacial foi marcada pelo pioneirismo soviético. A União Soviética foi o primeiro país a lançar um satélite artificial denominado Sputnik.

IV. No período da Guerra Fria surgiu a Internet, que, no início, era restrita aos militares estadunidenses.

V. Durante a Guerra Fria, ocorreu a Guerra do Vietnã. Os Estados Unidos, contando com o apoio do Vietnã do Sul, em 1975, conseguiram unificar o país por meio do socialismo, criando a República Democrática do Vietnã.

Assinale a alternativa CORRETA referente às afirmativas anteriores.

a) Apenas as afirmativas II, III e V estão corretas.

b) Todas as afirmativas estão corretas.

c) Apenas a afirmativa IV está errada.

d) Apenas as afirmativas I, II, III e IV estão corretas.

e) Todas as afirmativas estão erradas.

questão 2

(Selecon - adaptado) Em 2008, vinte anos após o lançamento de seu livro 1968: o ano que não terminou, Zuenir Ventura lançou 1968: o que fizemos de nós. Neste livro, o autor pergunta:

"1968 terminou ou não terminou? Que balanço se pode fazer hoje de um ano tão carregado de ambições e de sonhos? O que restou de tantos ideais? Muitos países que viveram a experiência estão tentando avaliar o seu legado... O que foi feito dessa herança?"

VENTURA, Zuenir, 1968: o que fizemos de nós. São Paulo: Editora Planeta do Brasil. 2008. p. 11 (adaptado).

O ano de 1968 continua sendo lembrado pelas intensas manifestações políticas e culturais que ocorreram em diferentes países e continentes. São acontecimentos marcantes daquele ano:

a) as greves de operários no ABC paulista contra a política salarial do governo militar; as manifestações simultâneas de nações indígenas na América Latina, EUA e Canadá por direitos civis; a invasão da Polônia pelas tropas soviéticas para pôr fim num governo antistalinista.

b) as grandes manifestações patrióticas nos EUA em apoio à Guerra do Vietnã; os primeiros movimentos de independência bem-sucedidos da Índia e do Paquistão; o início do processo de abertura democrática no Brasil, com o General Ernesto Geisel.

c) os movimentos políticos pela redemocratização dos países do Cone Sul; as ações militares dos Estados Unidos em países africanos contra os avanços da União Soviética naquele continente; o fim da luta armada no Brasil com a prisão de todos os envolvidos na Guerrilha do Araguaia.

d) as manifestações estudantis na França e nos Estados Unidos contra o conservadorismo na política e na educação; a Primavera de Praga, que propunha reformas políticas e sociais na Tchecoslováquia; a volta das grandes manifestações de rua no Brasil, como a Passeata dos Cem Mil, no Rio de Janeiro.

e) todas as alternativas acima.

questão 3

(Instituo AOCP) Assinale a alternativa que NÃO se relaciona ao momento histórico denominado Guerra Fria.

a) As bombas atômicas atiradas em Hiroshima e Nagasaki pelos norte-americanos também ajudaram a eclodir o conflito da Guerra Fria.

b) A chamada Doutrina Truman tinha como objetivo impedir a expansão do comunismo no que se considerava como países democráticos.

c) Criou-se o Conselho de Assistência Mútua econômica (COMECON), com o objetivo de integrar as economias da URSS e dos países do Leste Europeu, criando um mercado comum.

d) Os Estados Unidos criaram uma série de programas que foram implementados com o objetivo de recuperar e reformar a economia, além de auxiliar os prejudicados pela Grande Depressão.

e) A tensão diplomática entre Washington e Moscou por conta dos mísseis que estavam sendo instalados na ilha de Cuba.

questão 4

(CPCON) A Guerra Fria, iniciada logo após o fim da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), polarizou o contraste ideológico entre o capitalismo e socialismo, aprofundando um cenário de disputa internacional por novas tecnologias, armas nucleares, poder econômico, político e militar. Aqueda do Muro de Berlim (1989) e o fim da União Soviética (1991) são fatos que simbolizaram o fim da Guerra Fria.

Sobre o tema, é CORRETO afirmar:

a) Com o fim da bipolarização entre capitalismo e o socialismo, as diferenças econômicas e sociais entre os países ricos e países pobres terminaram, havendo uma hegemonia do capitalismo, que busca desenvolver o princípio da igualdade.

b) A Nova Ordem Mundial assinala o fim da bipolaridade entre União Soviética e Estados Unidos. Contudo, inicia-se uma nova guerra contra o terrorismo cujo principal objetivo é trazer a possibilidade de uma abertura de diálogo entre as grandes potências mundiais e os países periféricos.

c) Após a Guerra Fria, surge uma nova lógica internacional, com novos blocos econômicos regionais; Japão, União Europeia e China destacam-se como centros políticos e econômicos de poder. Além disso, a nova divisão internacional evidencia, sob o crivo econômico, a distinção entre os países do Norte desenvolvido e do Sul subdesenvolvido.

d) Está cristalizada a divisão Norte–Sul, sendo impossível nação subdesenvolvida tornar-se desenvolvida e vice-versa.

e) O Brics apresenta, frente à Nova Ordem Mundial, a polarização econômica que marcou o mundo após a Guerra Fria entre os países imperialistas e as nações neocoloniais.

questão 5

Qual dos acontecimentos seguintes não teve relação com a Guerra Fria:

a) Guerra Civil Espanhola

b) Guerra da Coreia

c) Revolução Cubana

d) Ditaduras latino-americanas

e) Guerra do Afeganistão

questão 6

A Perestroika e a Glasnot foram propostas de reforma que levaram a União Soviética a sua dissolução. Quem foi o presidente responsável por essas reformas:

a) Boris Ieltsin

b) Yuri Andropov

c) Leonid Brejnev

d) Nikita Kruschev

e) Mikhail Gorbachev

questão 7

O Plano Marshall foi uma das ações do governo norte-americano motivadas pela rivalidade na Guerra Fria. Esse plano propunha:

a) o financiamento da reconstrução de países europeus destruídos pela Segunda Guerra.

b) a realização de golpes militares no sul da Europa.

c) o envio de espiões para executar as lideranças de esquerda na Europa Ocidental.

d) a imposição de embargos para os países da Europa Ocidental que não aderiram à Otan.

e) nenhuma das alternativas anteriores.

questão 8

Ao longo da Guerra Fria, os Estados Unidos intervieram em uma série de países como forma de garantir os seus interesses políticos e econômicos nesses locais ao mesmo tempo que isso prejudicava os interesses soviéticos. Qual dos países seguintes contaram com intervenções norte-americanas que não resultaram em regimes ou acontecimentos violentos:

a) Brasil

b) Indonésia

c) Alemanha Ocidental

d) Vietnã

e) Afeganistão

questão 9

Qual país socialista foi invadido por tropas soviéticas, em 1968, por conta de um movimento de reformismo democrático que nele estava em curso:

a) Checoslováquia

b) Romênia

c) Iugoslávia

d) Bulgária

e) Albânia

questão 10

A respeito da Guerra Fria, selecione a alternativa FALSA:

a) Otan e Pacto de Varsóvia eram os dos dois blocos de aliança militar que se formaram na Guerra Fria.

b) Em 1948, a União Soviética reconheceu a independência do Estado de Israel.

c) Os rebeldes afegãos que lutaram contra os soviéticos no Afeganistão foram treinados e armados com ajuda dos Estados Unidos.

d) Depois da Crise dos Mísseis, os Estados Unidos não cumpriram sua parte no acordo e mantiveram os mísseis na Turquia.

e) Os Estados Unidos tiveram participação nos golpes militares que aconteceram no Brasil e Chile.

questão 11

Qual governo brasileiro, durante a Quarta República (1946-1964), anunciou alinhamento incondicional com os Estados Unidos, promovendo também a perseguição de comunistas:

a) Getúlio Vargas

b) Eurico Gaspar Dutra

c) Juscelino Kubitschek

d) João Goulart

e) Jânio Quadros

questão 12

Qual das nações seguintes NÃO possuiu um governo socialista durante os anos da Guerra Fria:

a) Albânia

b) Polônia

c) Camboja

d) Vietnã

e) África do Sul

respostas
Questão 1

LETRA D

De todas as alternativas, apenas a V está incorreta, uma vez que os Estados Unidos apoiaram o Vietnã do Sul na Guerra do Vietnã, porém foram incapazes de unificar o país sob a liderança sul-vietnamita. Esse conflito foi vencido pelo Vietnã do Norte, que unificou o país sob um regime socialista.

Voltar a questão
Questão 2

LETRA D

O ano de 1968 ficou marcado por protestos contra a Guerra Vietnã nos Estados Unidos, além de protestos estudantis na França, por questões relacionadas ao conservadorismo daquela sociedade, e no Brasil, por conta da ditadura militar. A proposta de reforma política que acontecia na Checoslováquia ficou conhecida como Primavera de Praga.

Voltar a questão
Questão 3

LETRA D

A Grande Depressão é um evento que se passou em 1929, e a proposta de recuperação da economia norte-americana, conhecida como New Deal, foi criada em meados da década de 1930. Os dois acontecimentos, portanto, são anteriores ao início da Guerra Fria.

Voltar a questão
Questão 4

LETRA C

Com o esfacelamento da União Soviética e o fim da Guerra Fria, uma nova organização mundial estabeleceu-se. O Japão colocou-se, a princípio, como segunda potência, mas perdeu o posto para a China. A União Europeia consolidou-se como um bloco de grande potência econômica e política. A nova divisão entre ricos e pobres foi baseada no modelo Norte–Sul.

Voltar a questão
Questão 5

LETRA A

A Guerra Civil Espanhola é um acontecimento relacionado às questões do entreguerras e estendeu-se de 1936 a 1939. Esse conflito foi resultado do embate que acontecia mundialmente entre o fascismo e o comunismo. Teve como resultado final a vitória dos fascistas, apoiados por Mussolini e Hitler.

Voltar a questão
Questão 6

LETRA E

A perestroika (reestruturação) e a glasnot (transparência) foram reformas promovidas por Mikhail Gorbachev, a fim de incentivar a abertura política e econômica da União Soviética, país em profunda crise no final da década de 1980. As reformas promovidas por Gorbachev contribuíram para acelerar o fim soviético.

Voltar a questão
Questão 7

LETRA A

O Plano Marshall fazia parte da Doutrina Truman, o conjunto de estratégias formuladas pelos Estados Unidos para combater o avanço do comunismo. O plano consistia em disponibilizar grandes somas de dinheiro de maneira facilitada para as nações da Europa Ocidental. O objetivo era barrar o avanço do comunismo nesses locais.

Voltar a questão
Questão 8

LETRA C

A presença dos Estados Unidos na Alemanha remonta ao final da Segunda Guerra Mundial, na luta contra os nazistas. Durante a Guerra Fria, a presença norte-americana na Alemanha Ocidental deu-se por meio de tropas, que reforçavam a segurança do país contra a Alemanha Oriental. Além disso, os EUA investiram milhões de dólares na reconstrução alemã.

Voltar a questão
Questão 9

LETRA A

A Checoslováquia foi a nação do bloco socialista que passou pela Primavera de Praga, uma agitação política e social que defendia um reformismo no governo do país. Entre as propostas defendidas, estava maior abertura política para o país. A Primavera de Praga teve fim quando tropas soviéticas invadiram o país, ainda em 1968.

Voltar a questão
Questão 10

LETRA D

A Crise dos Mísseis em Cuba foi causada por uma tensão entre Estados Unidos e União Soviética por conta da instalação de mísseis soviéticos em Cuba. Isso criou uma crise diplomática entre EUA e URSS que quase resultou em uma guerra. A crise foi solucionada quando os soviéticos retiraram seus mísseis de Cuba e os norte-americanos retiraram seus mísseis da Turquia.

Voltar a questão
Questão 11

LETRA B

O governo do general Eurico Gaspar Dutra (1946-1951) foi o responsável por colocar o Brasil como aliado incondicional dos Estados Unidos. Esse alinhamento foi acompanhado de perseguição aos comunistas, e, em 1947, o Partido Comunista Brasileiro (PCB) foi cassado, e seus políticos eleitos perderam direitos políticos.

Voltar a questão
Questão 12

LETRA E

Das nações mencionadas, somente a África do Sul não teve governo de orientação socialista. Durante a Guerra Fria, a África do Sul ficou marcada pelo regime de segregação racial conhecido como apartheid.

Voltar a questão
Logo Artigo
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
Artigo
Relacionado