Whatsapp

Exercícios sobre crescimento populacional

Exercícios de Geografia

Esta lista de exercícios permitirá medir os seus conhecimentos sobre os principais elementos que influenciam no crescimento demográfico de determinada população. Publicado por: Mateus Campos
questão 1

A diferença entre o número de nascimentos e o número de mortes é chamada de

A) saldo migratório.

B) bônus demográfico.

C) população absoluta.

D) taxa de longevidade.

E) crescimento vegetativo.

questão 2

O século XX foi marcado pelo intenso crescimento da população mundial. Esse incremento de indivíduos no planeta foi influenciado, entre outros, pela

A) atenuação do processo de industrialização dos países emergentes.

B) concretização de melhorias das condições de saúde da população.

C) expansão do número de pessoas que habitam as zonas rurais.

D) acentuação da movimentação de imigrantes para os países ricos.

E) diminuição da participação das mulheres no mercado de trabalho.

questão 3

Os indicadores demográficos são importantes ferramentas de indicação das dinâmicas populacionais. O crescimento de uma população é derivado, entre outros, da

A) manutenção do saldo migratório.

B) ampliação do analfabetismo.

C) elevação da taxa de natalidade.

D) diminuição da desigualdade.

E) retração da expectativa de vida.

questão 4

O crescimento populacional entre as regiões do globo não é homogêneo. Assinale abaixo a alternativa que faz uma correta relação entre uma região global e uma característica da sua população:

A) Europa – baixa taxa de natalidade

B) América do Norte – elevado êxodo rural

C) África – alto índice de expectativa de vida

D) América Central – grande igualdade de renda

E) Sudeste Asiático – pequeno crescimento demográfico

questão 5

O período do acentuado crescimento da população brasileira, entre 1950 e 1970, é chamado pelos especialistas de explosão demográfica. Um aspecto marcante dele é a

A) entrada de muitos imigrantes no território brasileiro.

B) atenuação da desigualdade de renda no país.

C) adoção de políticas públicas de planejamento familiar.

D) acentuação das taxas de mortalidade infantil.

E) intensa saída da população do campo para as cidades.

questão 6

O século XXI marca uma nova dinâmica demográfica brasileira, em especial, caracterizada pela queda da taxa de natalidade. Um motivo desse cenário é

A) a diminuição do custo de vida nos grandes centros urbanos.

B) a retração do uso de métodos contraceptivos pela população.

C) a migração de grande parte da população em idade reprodutiva.

D) o aumento da participação das mulheres no mercado de trabalho.

E) o estabelecimento de políticas estatais de desincentivo à natalidade.

questão 7

O atual cenário da população brasileira, marcada pela diminuição da taxa de natalidade e pelo aumento da expectativa de vida, resulta em um

A) bônus demográfico.

B) crescimento absoluto.

C) aumento da emigração.

D) saldo migratório negativo.

E) envelhecimento populacional.

questão 8

O cálculo da taxa de crescimento populacional envolve três aspectos, sendo eles

A) natalidade, emigração e imigração.

B) natalidade, mortalidade e migração.

C) fecundidade, longevidade e migração.

D) fecundidade, natalidade e mortalidade.

E) fecundidade, longevidade e desigualdade.

questão 9

(IFF 2018)

Número de filhos por mulher na Alemanha é o maior desde 1973

“O número de nascimentos na Alemanha aumentou pelo quinto ano consecutivo, e a taxa de fecundidade do país chegou ao nível mais alto desde os anos 70, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (28/03) pelo Departamento Federal de Estatísticas da Alemanha (Destatis). Em 2016, 792.131 crianças nasceram no país, o que significa um crescimento de 7% (54.556 crianças) em relação ao ano anterior e equivale ao total de nascimentos registrado em 1996.”

Disponível em: http://www.dw.com/pt-br/n%C3%BAmero-de-filhos-por-mulher-na-alemanha-%C3%A9-o-maior-desde-1973/a-43171008.

Considerando os dados divulgados e o cenário apresentado pelo Destatis, um dos fatores responsáveis pelo aumento da taxa de fecundidade na Alemanha é

A) a ausência de políticas de incentivo à natalidade.

B) a maior proporção de mulheres imigrantes que passaram a viver na Alemanha.

C) o controle da nupcialidade no país.

D) a elevada mortalidade infantil.

E) o elevado número de soldados mortos na Síria, gerando o “baby boom”.

questão 10

(Univesp 2019) De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nos dias de hoje, a população brasileira está perto de atingir os 210 milhões de habitantes. Porém, apesar de seu crescimento contínuo, a população brasileira segue a tendência mundial de declínio da taxa de crescimento. O crescimento da população brasileira, nas duas últimas décadas, está ligado principalmente

A) ao grande fluxo migratório registrado nesse período, principalmente de refugiados armênios, africanos e centro-americanos.

B) ao aumento da taxa de mortalidade que, nesse período, superou a taxa de natalidade, aliado à redução da expectativa de vida.

C) à positividade da taxa de crescimento vegetativo, que é calculada pela diferença entre a taxa de natalidade e a taxa de mortalidade, ocorrida nesse período.

D) ao aumento constante da taxa de fecundidade nesse período, que é a estimativa do número de filhos por mulher, em média, durante seu período reprodutivo.

E) à proibição, nesse período, do uso de métodos contraceptivos, aliada à repressão às clínicas clandestinas de aborto e ao incentivo ao aumento da taxa de natalidade.

questão 11

(Univesp 2019) No último censo demográfico, realizado em 2010, a população brasileira era composta por 190.755.799 habitantes. Estima-se que, no ano de 2019, a população brasileira tenha 210.147.125 habitantes (IBGE, 2019). Em relação às características da população brasileira atual, assinale a alternativa INCORRETA.

A) A população brasileira é predominantemente urbana.

B) A população feminina é maior que a masculina.

C) A taxa de fecundidade é de menos de dois filhos por mulher.

D) A taxa de crescimento populacional é mais alta que em 1970.

E) A taxa de mortalidade infantil é menor que em 2000.

questão 12

(Cepros 2016) “Líderes das Nações Unidas se preocupam há décadas com o ritmo de crescimento populacional. Há poucos anos, os principais cálculos projetavam a população global atingindo o pico de 9 bilhões até 2070 e recuando para 8,4 bilhões até 2100. Agora está em 7,2 bilhões. Recentemente, a ONU fez uma revisão com alta acentuada desses números: o crescimento da população projeta 9,6 bilhões até 2050, subindo para até 10,9 bilhões até 2100.”

Fonte: Revista Scientific American, Brasil. Ano 13, janeiro de 2015, p. 82.

Conforme o texto, a expectativa é que a população mundial continue crescendo. De acordo com dados já divulgados, o aumento previsto pela ONU está projetado para:

A) a América Central.

B) o norte da Ásia.

C) o Oriente Médio.

D) a África.

E) a Europa Centro Ocidental.

respostas
Questão 1

Alternativa E. O crescimento vegetativo, também chamado de crescimento natural da população, é uma taxa demográfica resultante da diferença entre o número de nascimentos e o de mortes. Esse é um dos tipos de crescimento da população.

Voltar a questão
Questão 2

Alternativa B. O aumento da população mundial foi possibilitado, entre outros, pela melhoria das condições de saúde da população. Nesse sentido, os avanços médicos e sanitários possibilitaram o aumento da taxa de natalidade e a diminuição da taxa de mortalidade.

Voltar a questão
Questão 3

Alternativa C. A elevação da taxa de natalidade é um indicador diretamente relacionado ao crescimento da população. Esse indicador, quando atrelado aos dados de mortalidade, aponta um dos tipos de crescimento de determinada população.

Voltar a questão
Questão 4

Alternativa A. A população da Europa é caracterizada pela baixa taxa de natalidade. Esse continente possui grande parte dos países com taxas de natalidade abaixo do índice de reposição populacional. Desse modo, verifica-se que se trata de uma região geográfica que tende a apresentar um decréscimo da sua população.

Voltar a questão
Questão 5

Alternativa E. O crescimento da população brasileira foi acompanhado por diversos fatores de ordem socioeconômica. O período de explosão demográfica da população do Brasil foi marcado pelo intenso processo de êxodo rural, ou seja, pela saída da população do campo para as cidades.

Voltar a questão
Questão 6

Alternativa D. O aumento da participação das mulheres no mercado de trabalho foi um dos elementos que influenciaram na diminuição da taxa de natalidade brasileira. Esse movimento foi um dos fenômenos que marcaram a nova dinâmica demográfica do país.

Voltar a questão
Questão 7

Alternativa E. A diminuição da taxa de natalidade, em conjunto com a elevação da expectativa de vida, resulta em um cenário de envelhecimento populacional. Esse cenário compõe uma nova dinâmica demográfica do país, marcada pelo aumento da população idosa.

Voltar a questão
Questão 8

Alternativa B. O cálculo do crescimento da população dá-se mediante a taxa de crescimento vegetativo e a taxa de saldo migratório. O crescimento vegetativo é a diferença entre a taxa de natalidade e a taxa de mortalidade. Já o saldo migratório reflete a diferença entre a entrada e a saída da população de determinado espaço.

Voltar a questão
Questão 9

Alternativa B. O aumento da taxa de natalidade na Alemanha tem como fator preponderante a entrada de migrantes no país. A maior parte dos imigrantes locais é proveniente de regiões onde, culturalmente, tem-se um grande número de filhos. Desse modo, há um reflexo dessa questão cultural na taxa de fecundidade do país.

Voltar a questão
Questão 10

Alternativa C. O aumento da população brasileira tem como justificativa primária o saldo positivo do crescimento vegetativo do país. Portanto, há um maior número de nascimentos do que de óbitos na população do Brasil.

Voltar a questão
Questão 11

Alternativa D. A taxa de natalidade brasileira na atualidade é menor do que em 1970. Esse período marcou um momento de explosão demográfica da população local, ou seja, de forte incremento da taxa de natalidade. Já no atual momento, verifica-se uma queda da taxa de natalidade da população brasileira.

Voltar a questão
Questão 12

Alternativa D. A África é o continente que apresenta as condições demográficas mais propícias para a continuidade do crescimento da população em nível mundial. Essa região possui elevada taxa de natalidade, que, em conjunto com a diminuição da taxa de mortalidade, vem resultando em um aumento expressivo do número de habitantes.

Voltar a questão
Logo Artigo
Leia o artigo relacionado a este exercício e esclareça suas dúvidas
Artigo
Relacionado